Tão somente... noite

É noite,
é o que diz o negro silêncio.
Ao redor somente os anjos à procura de alguma alma suicida
Que certamente deve estar cansada de esperar -
E as filas são tão longas...
Não, não tem como não mergulhar neste silêncio
E não sentir a frieza de cada um.
Somos disso também:
frio, escuridão, silêncio, amargura, dor... beleza.

Comentários

Anônimo disse…
Doce e tênue poesia melancólica, que é revelada por um olhar lastimoso. Envolve almas vazias e e ignorada por almas plenas.

Postagens mais visitadas deste blog

Antes de você chegar

Responsabilidade

Welcome to life