(Summer) night time


Somente o som,
Afavelmente ultrapassando o dial,
Como uma melodia,
Suave como uma noite de verão.
Se a barra pesar,
Terei você.
Ternamente amparado
Como um pássaro.
Não, não vou me precipitar.
Somente observando as estrelas,
E a brisa noturna
De uma noite de verão,
Tão morna quanto Deus.
Não, não há palavras,
Somente o Espírito onipresente,
E a suavidade do seu ser.
Somente o som,
Misticamente ultrapassando o dial,
Como um delicado toque,
O mais profundo amor.
Um sentimento de proteção
E eternidade está aqui -
Sim, entre nós,
Permanecendo forte,
Cada vez mais,
Não, não vou me precipitar.
Eu sinto - Ele está aqui,
Segurando meu coração
Em suas tépidas mãos.

Comentários

Rob Seixas disse…
É de sua autoria? Belíssimo! Estou até envergonhado de escrever poemas no meu blog. Parabéns, meu amigo! O título também tá de arrasar. Um forte abraço!

Postagens mais visitadas deste blog

Antes de você chegar

Responsabilidade

Welcome to life